Angela Gomes
 
 
 

domingo, outubro 22, 2006

Filarmônica de Berlim

Berlim é uma cidade de 3,4 milhões de habitantes, poucos carros nas ruas, muitas bicicletas, e um intenso repertório de boa arquitetura. A sua história triste não está mais em suas ruas, é lembrada em museus ou no pedaço do muro pichado na calçada do edifício da Sony. No centro da cidade sobre o Reichstag - o Parlamento, desabado em 1945, numa leve cúpula projetada por Norman Foster, a história do prédio e da cidade é lembrada em uma exposição. Do alto da cúpula podemos ver a cidade de agora e dali mesmo escolher os lugares a serem percorridos.


Uma nova identidade foi construída para Berlim. Muitas são as obras de arquitetura que enchem os olhos, no entanto, aqui meu olhar se prende no edifício da Filarmônica. Próxima à arquitetura de reflexos e transparências, da provisoriedade das tendas da Sonny e do brilho do Potsdamer Platz, a Filarmônica se coloca densa, no entanto leve, não reflexiva porém mimética, parece se metamorfosear a medida que a circundamos, talvez num intervalo entre as duas Alemanhãs.

A construção é de 1963 (iniciada em 1956), construída por Hans Schauroun - as informações me foram dadas por um guia que contava a história do edifício com olhos brilhantes e a trajetória de um músico. De 1963, tão atual, tão consistente e tão vulgar. Vulgar porque não aponta para o céu, é opaca, parece humana, está mais perto da terra.
O projeto aconteceu de dentro pra fora, a forma exterior foi subordinada à interior, foram feitas maquetes e com testes de acústica os volumes foram sendo adaptados. Os auditórios são em forma de terraços e a orquestra está disposta no centro.
Além dos turistas (nem tantos) ao seu redor, alguns estudantes da arquitetura a circundam vez ou outra, os notei pela forma que tocam a superfície amarela de alumínio, testando sua rugosidade, pela forma que buscam captar nas fotos os detalhes das suas múltiplas faces.



 

blog@daus.com.br

comentários I enviar imagens

 
 
  • Nuvens1
  • Batuque
  • Nuvens3

    Flávio Martins

  • Estúdio do SBT - São Paulo, Brasil. 21 horas e doi...
  • Janela - La Alhambra
  • Feriado
  • Uma palavrinha sobre música: 3 casamentos e o meu ...
  • Choose
  • Janela 1
  • Chorume
  • Sutura
  • Nomadismo e miscigenação
  • Domingo ...
  • Setembro 2006
  • Outubro 2006
  • Novembro 2006
  • Dezembro 2006
  • Janeiro 2007
  • Fevereiro 2007
  • Março 2007
  • Abril 2007
  • Maio 2007
  • Junho 2007
  • Julho 2007
  • Agosto 2007
  • Setembro 2007
  • Outubro 2007
  • Novembro 2007
  • Dezembro 2007
  • Janeiro 2008
  • Fevereiro 2008
  • Março 2008
  • Abril 2008
  • Maio 2008
  • Junho 2008
  • Julho 2008
  • Agosto 2008
  • Novembro 2008
  • Junho 2009
  • Julho 2009
  • Agosto 2009
  • Setembro 2009
  • Outubro 2009
  • Novembro 2009
  • Dezembro 2009
  • Janeiro 2010
  • Fevereiro 2010
  • Março 2010
  • Maio 2010
  • Junho 2010
  • Julho 2010
  • Novembro 2010
  • Dezembro 2010
  • Janeiro 2011
  • Março 2011
  • Abril 2011
  • Setembro 2011
  • Janeiro 2012
  • Março 2012
  • Abril 2012
  • Maio 2012
  • Junho 2012
  • Julho 2012
  • Agosto 2012
  • Outubro 2012
  • Dezembro 2012
  • Janeiro 2013
  • Setembro 2013
  • Dezembro 2013
  • Abril 2015
  • Julho 2015
  • Outubro 2017
  •  

    vitruvius
    rededesignbrasil
    Ibama
    Programa Capixaba Materiais Reaproveitáveis
    Artesanato Capixaba
    Instituto Ideias
    Instituto Marca Ambiental
    Espacoesociedade
    Seminariosmvrd
    Veracidade
    redemoinho
    designfortheworld
    centrodametropole
    sosmataatlantica

    Mare
    Dmadrid
    luciane
    Archestesia
    contradinome
    expurgacao
    clovisaquino
    nelsonkhon
    Bambuzau
    absolutamentenada
    nelmaguimaraes

    ...

    Powered by Blogger