Angela Gomes
 
 
 

quarta-feira, julho 30, 2008

Yuri e Rei - Morro do Moreno


leia mais...

terça-feira, julho 29, 2008

Freada populacional

O editorial de ontem, 28/07/08, da Folha de SP, explica de forma detalhada os dados recentes sobre a freada populacional e o conseqüente envelhecimento da população.
“... a taxa de fecundidade da brasileira atingiu, em 2006, a marca de 1,8 filho por mulher- cifra inferior à taxa de reposição populacional, que é de 2,1.
O IBGE, em sua estimativa oficial, de 2004, não previa que esse patamar fosse atingido antes de 2043 (é sério?!). Mesmo a ONU, que costuma fazer previsões menos conservadores, não antecipava índices inferiores a 2,0 para o Brasil antes de 2010".
E agora, José, digo, Lula? Isso tem aspectos positivos e negativos. Destaco e constato um ponto negativo: nós também estamos descendo a ladeira, ou, como queiram, subindo ... e faltam políticas e profissionais prontos para atender as demandas da terceira idade ... Xô bingo!!! Minhas amigas da yoga me deixaram para trás ... além das aulas, ainda caminham, nadam, usam a internet, enfim ... vivem!!! E os homens, o que fazem? Dizem que morrem mais cedo, exceto os arquitetos famosos, é claro ... os homens rejeitam qualquer ação coletiva em centros especializados, preferem ver tv, ficar em casa e encher a lata todos os dias ... o índice de alcoolismo é alto ... mas o perfil das pessoas também está se transformando e as políticas públicas precisam acompanhar essa mudança.

leia mais...

segunda-feira, julho 28, 2008

Costumes, rituais e traços culturais...

Por Grazziella Debbané
Alo, alo companheiros de viagem, aqui mais uma edicao do meu diario de Volta ao Mundo 2008... Mas antes a pergunta que naoh quer calar: e agora Joseh? Gente, naoh tenho o habito de ter muito medo das coisas, soh um pouquinho, em uma ou outra situacao..., mas primeiro, foram algumas bombas em Tripoli, no Libano: OK, normal, 35 anos de guerra, de vez em quando a situacao se deteriora... Depois, 16 bombas no sabado em Ahmedabad, a unica cidade, das dezenas de milhares na India, que marquei passagem para visitar (comprar), apos chegar em Deli...; hoje, no cafe da manhah, CNN aa toda com as duas explosoes em Istanbul, ontem... E agora? Que loucura: minhas tres proximas paradas para compras estao indo pelos ares! ...(...) Sinceramente, naoh sei o que fazer? Imagino mamae e papai, que estao em algum lugar
Como eh que eu poso fazer uma viagem de negocios desse jeito? Como eh que vou realizar meu superbazar, com coisinhas do mundo inteiro, se todo o meu roteiro de compas estah debaixo de escombros e sangue?

Naoh sei, naoh...

De qualquer forma, vou para Deli na quarta agora, dia 30, e de lah vejo se alguma coisa melhorou em Ahmedabad... Se realmente hover mais explosoes, naoh vai dar naoh... A cidade naoh eh tao grande assim, e naoh ha lugar para tanta violencia sem que seja atingida em uma ou outra rua de mercado...

Vamos aos diarios, pois eh tudo paz, aqui em Bangkok...

Estou comecando a me adaptar ao fuso: durmo duas tres horas entre meia-noite e tres da manha, acordo, vejo dois filmes - as opcoes da devedeteca do hotel naoh sao lah muito atualizadas, mas eh sempre bom rever um outro hit americano..., depois, volto a dormir lah pelas cinco, seis da manha e, finalmente, acordo refeita para mais um dia de trabalho, aas nove: o que para mim, ainda eh madrugada... A novidade eh que agora, adquiri um novissimo habito: almoco no cafe da manha... Nunca fui de comer absolutamente nada ao acordar: no maximo, uma aguinha de coco, suco de cenora fresco com macah e gengibre, lah pelas duas da tarde... Agora, eh: curry com coco apimentadissimo, arroz jasmin feito no vapor, bolinhos, mais pasta de pimenta... alem de acrescentar, panquecas, ovos estrelados, presunto, geleia, salada de frutas, sucos: o melhor dos dois lados do mundo, jah que este hotel mais se parece a sede ONU: familias francesas, eslavas, alemaes de cinquenta anos, sempre acompanhados por garotas tai de no maximo vinte!; muculmanos de Cingapura, da India; casais miscigenados formados por jovens europeus e asiaticas - esses legitimados, com criancas de olhinhos puxados e cabelos ligeiramente aloirados... ; tailandeses executivos vindos do interior; garotas japonesas em ferias de uma semana; um ou outro casal de italianos gay; chineses malasios: um melting pot!

Ontem, apos passar umas nove horas comprando maravilhas em um mercado nos arredores da cidade, resolvi entrar em uma dessas casas de massagem espalhadas por toda a Bangkok. Soh aqui na rua do hotel, na mesma quadra, tem umas seis! As casas de massagem tailandeses estao em numero proporcional aas nossas farmacias, bancas de revista: toda esquina tem uma. E quanto mais bacana ou movimentado o hotel, maior a concentracao!

Alias, a de taxis e tuk-tuk (os triciclos-taxi motorizados) tambem!

Primeiro, uma hora de "fut massaze, madame..." Voce tem seus pes lavados, escovados, depois, deita nessas caminhas tai e tem uma mulher ou rapaz, te massageando, amassando, riscando e apontando uma especie de lapis de madeira de pontas arredondadas, ativando vairos pontos das solas, ao lados das unhas; depois, as maos sobem pelas pernas, amassam, esticam, se contorcem e enrroscam seu joelho, batata da perna, em torcoes, alavancas... UM ERRPETACULO!

Gostei tanto que resolvi adquirir um pacote mais extenso: " Thai masaze end oii massaze, madame: vely gut, vely gut!" Subimos uns tres lances de escada no pequeno edificio estreito, passando por uma cozinha (moram no predio uns 15 massagistas, geralmente gente que vem para Bangkok ganhar dinheiro para enviar para as familias no interior), e corredores cheios de salas pequenas, divididas por folhas de madeira, contendo aquela luzinha baixa gostosa, arcondicionado, no maximo, caminhas no chao, forradas com algodao tai (as estampas tipicas sao lindas...), aquela flor branca, perfumada, tipica, deitada sobre o travesseiro (a mesma de Bali, que geralmente enfeita a cama e banheiras de hoteis); e mais andares, cheios de massagistas e clientes...

Uma hora de massagem e bate-papo com essa mulher engracada, de 42 anos, de pouco ou quase nada de ingles, mas muito comunicativa: mae solteira, marido beberrao, filho morando com os pais no interior; trabalha dezoito horas por dia e ganha 80 B (USD 3) por massagem: o patrao fica com setenta porcento do valor pago...

Sonha em arranjar um "fulena": em principio, havia entendido que queria encontar um "fulano", de bom coracao, que cuidasse dela... No final da sessao, entendi que seu sonho era conquistar um "foreigner"! Claro, um estrangeiro, "ol" (old), "gut art" (good hearted), que lhe fizesse companhia, que fosse gentil: nem precisava ser rico, ela trabalha e naoh precisa, etc.., etc..

Ai, as mulheres, pobres mulheres de terceiro mundo: sem excecao, e sem querer parecer machista-ao-inverso, mas em todas as cidades, pequenas ou grandes, por onde passei neste mundo subdesenvolvido, as mulhers sao todas, maes solteiras, apanham dos maridos, que "nunca" trabalham, e que bebem, bebem muito, sempre! What's is wrong with the world?

Serio, com excecao de alguns europeus e americanos (que ao contrario do que se pensa, sao superbacanas como maridos), e "pouquissimos brasileiros", os homens saoh, em sua grande maioria, umas porcarias! Culpa de quem? Da sociedade? De quem os cria: das mulheres? Eh um ciclo vicioso interminavel, abominavel e pre-historico!

Nunca me esqueco de um passeio de barco nos canais de arroz no norte do Vietname. Era um dia lindo, de ceu azul, de um verde mais verde que havia no mundo, permeado pelo reflexo prateado do ceu, nas aguas da tal plantacao; a embarcacao que me levava era linda, rasa, feita de palha trancada, quase uma folha, deslizando calma, pelas vias de arroz e agua: um dia perfeito? Como? O homeme ia na frente, mascando aquela coisa vermelha cujo nome me foge agora, e a mulher, atras, no alto dos seus nove meses de gravidez, remando o barco com aquele leme pesado, vertical, que alguns barcos asiaticos possuem... Ela suava, se contorcia, e ele, na maior tranquilidade, todo sorriso desdentado, se mostrando para mim, cuspindo saliva vermelha, achando que se comunicava em ingles! Desculpa, mas tem alguma coisa muito errada nesta fotografia, naoh?

Anyway, nem sei como saih da Tailandia e fui parar no Viename?

leia mais...

domingo, julho 27, 2008

Angeli



leia mais...

sábado, julho 26, 2008

post-all





leia mais...

sexta-feira, julho 25, 2008

na rua



leia mais...

segunda-feira, julho 21, 2008

Ana Rita Simonka

http://www.artesimbolo.com.br/



leia mais...

domingo, julho 20, 2008

Rua XV de Novembro
















Vejo essa casa desde a minha infância, as plantas são as mesmas, as cores idem, só acrescentaram as grades. A impressão nítida é de tempo parado ... tranquilo ...

leia mais...

sábado, julho 19, 2008

overdose de Bossa Nova!

"Dia de luz festa de sol
E um barquinho a deslizar
No macio azul do mar ..."



leia mais...

quinta-feira, julho 17, 2008

Os Gêmeos




















Gustavo e Otávio e suas fantasias.

leia mais...

quarta-feira, julho 16, 2008

Only Water is able to relieve the earth.
Gaston Bachelard

leia mais...

terça-feira, julho 15, 2008

R$ 18 milhões






Acostumada a ler manchetes negativas estampadas nos jornais, num flagrante de ato falho, disse falho, leio "Governo investirá R$ 18 milhões em bolsas de estudo" e registro apenas "Governo investigará R$ 18 milhões em bolsas de estudo"...

leia mais...

segunda-feira, julho 14, 2008

Caco Galhardo

Se alguém quiser saber o motivo dos 16 tipos, pergunte diretamente a ele:
http://blogdogalhardo.zip.net/























Adorei a louca!

leia mais...

sábado, julho 12, 2008

STF x PF


















Assisto ao prende e solta, que já virou comédia, sem conhecer os detalhes dos bastidores ...
Alguém com grana e uma boa carta na manga fica preso no país? acho que sim, aliás preciso acreditar que sim, mas o presidente do STF não poderia ser Gilmar Mendes!

leia mais...

sexta-feira, julho 11, 2008

Chrysler Building
























O tempo passa ...
Um dos símbolos de Nova York foi comprado pelo fundo Abu Dhabi, dos Emirados Árabes, que passou a ser majoritário.

leia mais...

quarta-feira, julho 09, 2008

Maré

O grupo de estudos Maré agora tem um blog:
http://grupomare.blogspot.com/
Nossa última reunião foi no Centro de Vix e a próxima será hoje, quarta-feira, dia 09/07, às 19 horas, na cantina do Metropolis, UFES.
Venha ser um mareado!

leia mais...

terça-feira, julho 08, 2008

Paulo Leminski

Uma poesia ártica,
claro, é isso que eu desejo.
Uma prática pálida,
três versos de gelo.
Uma frase-superfície
onde vida-frase alguma
não seja mais possível.
Frase, não, Nenhuma.
Uma lira nula,
reduzida ao puro mínimo,
um piscar do espírito,
a única coisa única.
Mas falo. E, ao falar, provoco
nuvens de equívocos
(ou enxame de monólogos?)
Sim, inverno, estamos vivos.


leia mais...

segunda-feira, julho 07, 2008

Vou de vin ...
























As alternativas já estão aparecendo. Em Porto Alegre 4 restaurantes se uniram para oferecer entrega a domicílio.

leia mais...

domingo, julho 06, 2008

tolerancia zero













Mudanças de hábitos já estão no ar ... percebi isso na última quinta feira, quando circulei na Praia do Canto. Sobravam vagas de automóveis e haviam muitos taxis. Se um bombom de licor é captado pelo bafometro como ficam os beijos longos entre sóbrios e alcoolizados?
imagem: google

leia mais...

sábado, julho 05, 2008

Mercatto Donna Lora














Salve Ludmila Perim , que agita a cidade com Mercatto nos dias 4, 5 e 6!
Jardim Secreto, Rua Moacir Avidos, 47
Praia do Canto, anexo Casa Rosa
ontem rolou:
_Fê Paschoal & os Expurgadores
_Quadros de Huemerson leal
_Mostra de vídeos expurgativos
cartaz - Wérllen Castro
Hoje de 14 as 23 horas

leia mais...

quinta-feira, julho 03, 2008

jazz cafe, quinta, dia 03/07









leia mais...

quarta-feira, julho 02, 2008

















Nelminha está a mil, vejam lá:
http://www.nelmaguimaraes.com/


leia mais...
 

blog@daus.com.br

comentários I enviar imagens

 
 
  • Nuvens1
  • Batuque
  • Nuvens3

    Flávio Martins

  • Boas festas e feliz 2013!
  • Estamos no facebook: DAUS 
  • Outubro, Rio
  • Setembro 2006
  • Outubro 2006
  • Novembro 2006
  • Dezembro 2006
  • Janeiro 2007
  • Fevereiro 2007
  • Março 2007
  • Abril 2007
  • Maio 2007
  • Junho 2007
  • Julho 2007
  • Agosto 2007
  • Setembro 2007
  • Outubro 2007
  • Novembro 2007
  • Dezembro 2007
  • Janeiro 2008
  • Fevereiro 2008
  • Março 2008
  • Abril 2008
  • Maio 2008
  • Junho 2008
  • Julho 2008
  • Agosto 2008
  • Novembro 2008
  • Junho 2009
  • Julho 2009
  • Agosto 2009
  • Setembro 2009
  • Outubro 2009
  • Novembro 2009
  • Dezembro 2009
  • Janeiro 2010
  • Fevereiro 2010
  • Março 2010
  • Maio 2010
  • Junho 2010
  • Julho 2010
  • Novembro 2010
  • Dezembro 2010
  • Janeiro 2011
  • Março 2011
  • Abril 2011
  • Setembro 2011
  • Janeiro 2012
  • Março 2012
  • Abril 2012
  • Maio 2012
  • Junho 2012
  • Julho 2012
  • Agosto 2012
  • Outubro 2012
  • Dezembro 2012
  • Janeiro 2013
  • Setembro 2013
  • Dezembro 2013
  • Abril 2015
  • Julho 2015
  •  

    vitruvius
    rededesignbrasil
    Ibama
    Programa Capixaba Materiais Reaproveitáveis
    Artesanato Capixaba
    Instituto Ideias
    Instituto Marca Ambiental
    Espacoesociedade
    Seminariosmvrd
    Veracidade
    redemoinho
    designfortheworld
    centrodametropole
    sosmataatlantica

    Mare
    Dmadrid
    luciane
    Archestesia
    contradinome
    expurgacao
    clovisaquino
    nelsonkhon
    Bambuzau
    absolutamentenada
    nelmaguimaraes

    ...

    Powered by Blogger